Home / Conteúdo / Teste A/B para e-mail marketing

Teste A/B para e-mail marketing
12/11/2010 - 18:03
Por Ricardo Cabianca

Qual é o melhor dia para enviar seu e-mail marketing? Dias da Semana? Fins de semana? Que horas? De manhã cedo ou à tarde? Que tipo de assunto funciona melhor? Algo voltado para venda? Ou algo mais sutil e informativo? As pessoas vão abrir seu email se você incluir “grátis” no assunto? A única maneira de saber com certeza é a experiência com as suas campanhas. A forma mais comum de experiência é executar um teste A/B.

O teste A/B consiste em enviar dois ou mais formatos da mesma campanha para pessoas diferentes a fim de medir o desempenho de cada uma dessas.

Algumas ideias para execução de teste A/B:

  • Que dia da semana você recebe melhores taxas de abertura?
  • Que hora do dia funciona melhor para suas campanhas de promoção?
  • Que dia / hora que funciona melhor para enviar sua newsletter?
  • Qual é o estilo linha de assunto funciona melhor?
  • Sua linha de assunto sempre deve incluir o nome da empresa? Ou deveria ser uma linha longa e descritiva detalhando o que está dentro da mensagem?
  • É melhor usar o nome da sua empresa na linha “De” ou o nome de um ser humano?

As principais métricas utilizadas para saber o sucesso de uma campanha de e-mail marketing é taxa de abertura e a taxa de cliques. Com o teste A/B você pode testar qual campanha de e-mail marketing funciona melhor, fazendo pequenos ajustes a fim de otimizá-la para receber um maior número de abertura e cliques.

5 dicas para realizar um bom teste A/B:
1. Identifique seus objetivos de teste: você deve compreender claramente o que você quer melhorar: taxa de abertura, a taxa de clique ou taxa de conversão.

2. Pense em como atingir os objetivos: depois de decidir o que você quer melhorar, pense as variáveis que você vai testar. Para melhorar a taxa de abertura, considere testar o nome de envio e de linha de assunto do email. Para testar a taxa de cliques, teste seu design, e-mail e formato.

3. Criar grupos de teste aleatório. Se você mantém um grupo de controle, você vai querer enviar as versões de teste do seu e-mail para esse grupo.

4. Teste um elemento por vez: dessa forma, você sabe exatamente o impacto desse elemento em sua campanha.

5. Planeje as mudanças para cada teste: se você quiser realizar vários testes sobre o mesmo e-mail, pense com antecedência o que irá mudar as variáveis em cada teste.

Fonte: BNS Email Marketing

WB4B/C’ | Negócios Online - Av. Vicente Machado, 115 - Cj 1 - Centro - Curitiba - PR - (41) 3029.5624